terça-feira, 11 de setembro de 2012

O leque

Gianni Strino



Abana-se com o leque do poema; e
um vento de palavras roça-lhe o rosto,
deixando nele impressas as sílabas
do amor.


Nuno Júdice